Swingin’ Denver: multiplicidade de recaps! – Kenny Nelson

Com mais de dois mil vídeos publicados e quase quatro milhões visualizações, o canal no Youtube Swingin’ Denver cumpre o que se propõe a ser: referência em vídeos de swing dance.

 

 

O idealizador do projeto é Kenny Nelson, americano que descobriu a dança em 1997 e movimenta a cena de swing dance em Denver, Colorado. Ele acredita que os vídeos online possibilitam ao público em geral ter uma visão global do que é o Lindy Hop, saber quais eventos acontecem pelo mundo e onde é possível encontrar aulas e professores disponíveis. Para os profissionais da cena, os vídeos são uma ótima maneira de divulgar o trabalho realizado, convidar as pessoas para participar de workshops e construir relacionamentos.

 

 

O dançarino valoriza pessoas que se arriscam, fazem vídeos criativos e com boa qualidade musical, como, por exemplo, os vídeos do projeto ‘I Charleston the World’.

Kenny é um assíduo consumidor de vídeos de break dance e parkour – modalidade acrobática de exercícios que exploram obstáculos na cidade. Ao lembrar do vídeo de um senhor de idade praticando tal esporte, ele comenta:

“A possibilidade do registro em vídeo incentiva que as pessoas produzam, criem, não importa o nível que estejam”, Kenny reflete.

Depois de dez anos postando materiais, o canal organizado por Kenny pode ser considerado uma grande e diversificada fonte de vídeos. O foco é o registro de recaps – vídeos gravados ao final de aulas e workshops de dança onde os professores relembram de forma rápida o que foi ensinado naquela aula. O lindy hopper nos contou sobre o projeto e sua relação com os recaps.

 

 

O primeiro vídeo do canal foi uma coreografia de West Cost, postado em 2008 e conta com mais de 8 mil visualizações.

 

 

Kenny diz que, na verdade, não foi ele quem publicou o vídeo. Alguém o ajudou a criar o canal e disponibilizar o primeiro conteúdo. Seu objetivo era apenas compartilhar o material com amigos.

 

 

 

O vídeo com mais visualizações até esta postagem é ‘Learn To Lindy Hop In A Day’. Kenny nos conta que a maioria das visualizações deste vídeo vem de países como EUA, Alemanha e Espanha. O dançarino acredita que é um indicativo de que as pessoas querem aprender a dançar e gostam de bons tutoriais que ensinem algo de maneira rápida.

Vídeos de Charleston também geram muitas visualizações. Talvez seja por este motivo que o segundo conteúdo com mais acessos do canal seja o ‘Beginning Lindy Hop – tandem Charleston’.

 

 

Kenny faz uma confissão direta para seus alunos: “Eu fico maluco quando fornecemos recursos (em vídeo) e vocês não usam, porque vocês cresceriam muito assistindo um pouco mais esses materiais e praticando com as músicas do nosso canal no Spotify. Pesquise no nosso canal do Youtube. Temos muito material, às vezes você apenas precisa ser criativo para escolher as palavras no campo de busca”, ele finaliza.

Deixe uma resposta